LASIK: Guia rápido

Cirurgia ocular a laser para tratar miopia, hipermetropia e astigmatismo

A cirurgia LASIK é uma opção de tratamento eficaz para miopia, hipermetropia e astigmatismo. Se você está pensando em fazer uma cirurgia a laser, veja aqui o que precisa saber sobre esse procedimento.

O que é LASIK?

LASIK ("Laser-Assisted-In-Situ-Keratomileusis") trata erros de refração dobrando a camada superior do olho remodelando o tecido por baixo. Como outras cirurgias oculares a laser, o LASIK trata as deficiências visuais remodelando a córnea para corrigir a forma como a luz é focalizada na parte posterior do olho.

Desde sua invenção no início dos anos 90, LASIK tem sido o método de tratamento cirúrgico mais popular para corrigir miopia, hipermetropia e astigmatismo.

Como funciona o LASIK?

Com o LASIK, um cirurgião corta um pedaço de tecido, essencialmente criando uma aba (flap) na parte frontal do olho para expor as camadas internas do tecido da córnea a um Excimer laser. Os cirurgiões usam um instrumento mecânico chamado microcerátomo ou um laser de femtossegundo para criar o flap.

Quando um laser de femtossegundo é usado para criar o flap de LASIK, o procedimento é descrito como cirurgia Femto-LASIK. Este tipo de laser é de pulso extremamente curto e próximo ao infravermelho. Sua alta intensidade de pico em uma duração de pulso muito curta (dentro de alguns femtossegundos de tempo) permite cortes ou planos únicos de microprecisão no tecido da córnea sem afetar o tecido adjacente.

Depois que o flap é dobrado para trás, um excimer laser trata o olho para o erro de refração individual. O laser faz a ablação apenas do tecido necessário, deixando o tecido adjacente não afetado.

Benefícios

  • Procedimento padrão: LASIK tem sido o tratamento padrão por mais de 20 anos, e muitos cirurgiões têm muita experiência com esse procedimento.
  • Recuperação rápida: normalmente, a visão fica mais nítida algumas horas após a cirurgia e se estabiliza gradualmente nas semanas seguintes.
  • Alta disponibilidade: LASIK é atualmente a forma mais popular e prevalente de cirurgia ocular a laser. A maioria das clínicas que oferecem correção da visão a laser possui a tecnologia disponível para este procedimento.

Preparação para a cirurgia

Antes da cirurgia, os pacientes geralmente são orientados por seu médico a:
 
  • Parar de usar lentes de contato rígidas por pelo menos quatro semanas e lentes gelatinosas por duas semanas antes da cirurgia, porque elas podem interferir nos exames de diagnóstico pré-operatório.
  • Não usar maquiagem, perfume ou creme na véspera e no dia do procedimento. Esses produtos podem deixar resíduos ao redor dos olhos e dos cílios, o que aumenta a chance de infecção.
  • Providenciar um transporte alternativo imediatamente após a cirurgia, se você costuma dirigir por conta própria, e possivelmente nos próximos dias após a cirurgia.

As etapas

Anestesiar o olho

Numbing the eye

Para reduzir o desconforto durante a cirurgia, é administrado colírio anestésico para anestesiar o olho. Um afastador palpebral é usado para evitar que o olho pisque durante a cirurgia.

Imobilizar o olho e criar o flap

Immobilizing the eye and creating the flap

Depois que o olho está anestesiado, ele precisa ser imobilizado para a cirurgia. Isso é feito com uma interface de contato ou anel de sucção que é gentilmente colocado no olho. Você pode sentir uma leve pressão quando isso ocorrer. Assim que o olho estiver parado, o médico cortará uma fina camada de tecido da parte superior do olho com um dispositivo mecânico (microcerátomo) ou um laser de femtossegundo.

Alternar para o excimer laser

Changing to the excimer laser

Depois de criar o flap, o paciente será passado para o excimer laser para a próxima etapa do procedimento. O médico então abrirá a camada superior do olho - ela é dobrada para trás como se abrisse um livro.

Esculpir a córnea

Sculpting the cornea

O laser é usado para esculpir o tecido da córnea para corrigir o erro refrativo. Os lasers Excimer são equipados com um sistema de rastreamento ocular para acompanhar e compensar o movimento dos olhos durante a cirurgia. Dependendo do laser, pode haver sons e odores.

Recolocar o flap

Adhering the flap

O cirurgião retornará o flap à sua posição original. Em algumas horas, o flap será aderido ao tecido subjacente sem necessidade de pontos.

Após a cirurgia

Após a cirurgia, é recomendado:

  • Não esfregar o olho operado e descansar e não se esforçar demais
  • Usar óculos de proteção no dia após a cirurgia para evitar mover acidentalmente o flap esfregando o olho
  • Usar um tampão ocular enquanto dorme por uma semana para evitar mover o flap
  • Usar colírio por alguns dias após a cirurgia para prevenir infecções e aliviar a secura
  • Evitar esportes de contato extenuantes por pelo menos duas semanas

Efeitos colaterais potenciais

Nenhuma intervenção cirúrgica é totalmente isenta de riscos e efeitos colaterais. Seu oftalmologista pode destacar todos os riscos potenciais e decidirá se você se qualifica para a cirurgia.
 
No entanto, o seguinte pode ocorrer após a cirurgia:
Complicações relacionadas ao flap: embora o flap geralmente volte a aderir ao olho após a cirurgia, ele não se fecha completamente com o tecido da córnea. Como o flap fica no olho, há uma chance remota de que ele seja deslocado, especialmente durante esportes de contato ou outras atividades. As complicações com o flap após a cirurgia podem incluir infecção, inflamação e deslocamento do mesmo.

Síndrome do olho seco: este sintoma pode ocorrer após a cirurgia de correção da visão LASIK. O corte dos nervos durante a cirurgia ocular a laser pode reduzir a frequência de piscar do paciente e/ou dar sinais insuficientes aos dutos lacrimais. Piscar com menos frequência faz com que o fluido lacrimal evapore mais rápido do que o normal, o que pode fazer com que o olho fique menos lubrificado e mais seco. Olhos secos após o LASIK podem causar desconforto e resultados visuais menos otimizados, mas geralmente melhoram ou se resolvem com o tempo.

Leia mais sobre outras complicações comuns e efeitos colaterais do LASIK e tipos alternativos de correção da visão a laser.

Perguntas frequentes

Quais as vantagens que o Femto-LASIK oferece em relação ao método LASIK clássico?

A diferença entre o Femto-LASIK e o método LASIK clássico é a forma como o flap na córnea é criado. Um laser é usado para cortar o flap no Femto-LASIK. Com o método clássico, o cirurgião abre a córnea manualmente com um microcerátomo (dispositivo mecânico).

O laser pode ser mais preciso e previsível no corte do flap do que o método manual com dispositivo mecânico. No entanto, os cirurgiões oculares não têm uma opinião uniforme de que um método é clinicamente superior ao outro. A decisão entre os dois é baseada nas condições existentes do paciente e nas preferências do médico.

Quais são as minhas chances de enxergar tão bem quanto quando uso óculos ou lentes de contato após a cirurgia LASIK?

Nem todo mundo consegue uma visão 20/20 após se submeter à cirurgia LASIK. Uma revisão global do LASIK de 2009, entretanto, descobriu que mais de 95% dos pacientes de LASIK de 1995 a 2003 estavam satisfeitos com o resultado de sua cirurgia.

As cirurgias PRK/LASEK e SMILE não requerem flap na córnea. Como essas soluções diferem do LASIK?

O PRK/LASEK não é normalmente recomendado para o tratamento da hipermetropia severa, enquanto o SMILE não pode tratar a hipermetropia.

É melhor discutir suas opções com um oftalmologista e encontrar a solução ideal para suas necessidades individuais.

Quanto tempo leva para me recuperar após a cirurgia LASIK e voltar à minha rotina normal?

O procedimento normalmente leva cerca de 30 minutos e você pode retornar às suas atividades diárias em um ou dois dias.

O tempo de recuperação difere entre pacientes, mas o flap deve se estabilizar em questão de poucos dias. Os médicos geralmente exigem um exame de acompanhamento no dia seguinte e um mês após a cirurgia para verificar seu progresso.

Os médicos geralmente exigem um exame de acompanhamento no dia seguinte e um mês após a cirurgia para verificar seu progresso.

Related Articles

SMILE Guia rápido para cirurgia ocular a laser minimamente invasiva
O processo de cirurgia ocular a laser Tudo que você precisa saber antes de fazer uma cirurgia ocular a laser
SMILE, LASIK ou PRK/LASEK? Comparação de tratamento Descubra como as cirurgias oculares a laser se comparam
PRK/LASEK Guia rápido para cirurgia ocular a laser na superfície do olho
Perguntas frequentes sobre cirurgia ocular a laser Obtenha respostas para algumas das perguntas mais comuns sobre cirurgia ocular a laser
Cirurgia ocular a laser: encontrando a clínica certa Como comparar opções de tratamento e clínicas adequadas às suas necessidades
Riscos e custos potenciais da cirurgia ocular a laser Descubra como os diferentes tipos de cirurgias oculares se comparam