Back To Top

Walter Franz, head of development at GAUDLITZ:

»Without high-precision measuring machines, we wouldn’t be able to fulfill our customers’ requirements.«

Sucesso

aumento da qualidade e confiabilidade dos resultados de medição

Software

MMC

Sensor

Saiba mais

Vendas, Serviços e Suporte

Brasil: 0800 770 5556
São Paulo: (11) 5693 5540

Pioneirismo em metrologia

Empresa de processamento de plásticos introduz, pela primeira vez, novas máquinas da ZEISS no setor

A empresa processadora de plásticos GAUDLITZ, baseada em Coburg, atribui grande importância à tecnologia de medição de ponta para garantir a qualidade dos seus produtos de tecnologia médica. Na condição de cliente piloto da ZEISS, a empresa de médio porte apresentou os mais modernos procedimentos e máquinas de medição em várias ocasiões.

"Sem máquinas de medição de alta precisão, não seríamos capazes de atender as necessidades dos nossos clientes," conta Walter Franz, Diretor de Desenvolvimento da GAUDLITZ. A empresa processadora de plásticos atualizou sua tecnologia de medição por diversas vezes durante o curso da sua história.

Novos desafios

Na década de 1980, a GAUDLITZ começou a fazer uso crescente de materiais contendo fibras de vidro. Entretanto, tais peças apresentam distorção em todas as direções ao esfriar no molde de injeção. Para assegurar que elas mantivessem, ainda assim, a forma desejada, a GAUDLITZ precisava ser capaz de prever essa distorção e medir as peças de referência com precisão. Isso requeria uma máquina de medição altamente precisa. Nos anos 1990, a empresa de médio porte viu-se confrontada com o desafio seguinte: devido ao aumento do volume de produção, a tecnologia de medição ameaçava se tornar um verdadeiro gargalo.
Nos anos seguintes, uma série de inovações no processamento de plásticos também alterou as demandas sobre a tecnologia de medição. Por exemplo, as formas das peças se tornavam cada vez mais complexas, e os técnicos de medição avançavam cada vez mais no interior das peças para detectar defeitos. Para a medição, eles fundiam as peças em resina para, em seguida, serrá-las ao meio. O problema era que isso levava muito tempo, e os processos de corte e fundição poderiam causar distorções na peça.

Soluções: da máquina de medição por coordenadas ZEISS UMC 850 ao tomógrafo computadorizado

Em 1988, a GAUDLITZ decidiu comprar uma máquina de medição por coordenadas ZEISS UMC 850. Essa máquina era consideravelmente mais precisa do que suas antecessoras. Ela escaneava a superfície da peça de forma contínua em vez de derivar a forma e a posição dos valores médios de medições ponto a ponto.
Em 1995, a GAUDLITZ respondeu à demanda por medições mais rápidas com a aquisição de uma máquina da ZEISS. Como cliente piloto, a empresa apresentou à indústria de processamento de plásticos, pela primeira vez, a máquina de medição tipo portal ZEISS PRISMO VAST – um novo desenvolvimento que combinava velocidade e precisão de medição. Então, em 2007, a GAUDLITZ se tornou um cliente piloto da ZEISS pela segunda vez: o tomógrafo computadorizado ZEISS METROTOM 1500 permitiu a medição interna e externa de peças, sem destruí-las.

Vantagem: aumento da precisão, redução do tempo de medição

O uso consistente da tecnologia de medição de ponta possibilitou à GAUDLITZ não apenas garantir uma qualidade alta aos seus produtos. A empresa também reduziu com sucesso os seus tempos de medição em até 75 por cento e também obteve uma diminuição enorme nos seus gastos com desenvolvimento de ferramentas. Por último, mas igualmente importante, as máquinas de medição permitiram à empresa desenvolver produtos totalmente novos.

 

Este website usa cookies. Cookies são pequenos arquivos de texto criados pelos websites e armazenados em seu computador. O uso de cookies é uma prática comum que permite melhorar o desempenho e a visualização dos sites. Ao navegar em nossos sites você está concordando com o seu uso. mais

OK